Bolsonaro afirma que Brasil terá 500 milhões de doses de vacinas até o fim do ano

Jorge de Sousa

Bolsonaro afirma que Brasil terá 500 milhões de doses de vacinas até o fim do ano

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), declarou em pronunciamento em rede nacional na noite desta terça-feira (23), que até o fim do ano, mais de 500 milhões de doses de vacina serão disponibilizadas para a imunização dos brasileiros.

“Em poucos meses seremos autossuficientes na produção de vacina. Não sabemos por quanto tempo teremos que enfrentar essa doença, mas a produção nacional vai garantir que possamos vacinar todos os brasileiros, independente das variantes que possam surgir”, explicou o presidente.

Bolsonaro ainda relatou que fechou acordos com os laboratórios Pfizer e Janssen para a chegada de 138 milhões de vacinas ao Brasil até o fim do ano.

Atualmente o Brasil é o quinto país que mais vacinou em todo mundo, com mais de 14 milhões de pessoas vacinadas. Mas levando em conta a média de imunizados a cada um milhão de habitantes, esse índice cai para menos de 6%, deixando o país na 60ª colocação no ranking da Our World in Data.

Outra promessa feita pelo presidente durante o pronunciamento é que o Brasil irá também produzir o insumo farmacêutico ativo, matéria-prima necessária para fabricar os imunizantes.

Diferente de outros pronunciamentos realizados em rede nacional, Bolsonaro não citou como formas de combater a pandemia métodos não comprovados pela medicina, como o uso da cloroquina e outras drogas.

“Em nenhum momento o governo deixou de tomar medidas importantes, tanto para combater a pandemia, quanto para combater o caos na economia”, finalizou Bolsonaro.

Nesta terça-feira, o Brasil quebrou o recorde diário de mortes pela Covid-19, com 3.251 mortes registradas nas últimas 24 horas. Desde o início da pandemia em fevereiro de 2020, 2.841 perderam a vida pela doença no país.

LEIA MAIS: STF declara que Moro foi parcial ao condenar Lula na Lava Jato

Previous ArticleNext Article