Política
Compartilhar

Bolsonaro é o presidente com pior aprovação após um semestre de mandato desde Collor

A nova pesquisa do Datafolha foi divulgada nesta segunda-feira (8) e mostra que 33% dos entrevistados avaliam o governo ..

Vinicius Cordeiro - 08 de julho de 2019, 15:23

(Brasília - DF, 08/07/2019) Encontro com Ernesto Araújo, Ministro de Estado das Ministério das Relações Exteriores Won Hye-young, Presidente do Grupo Parlamentar Coreia-Brasil do Congresso Nacional da República da Coreia e Kim Moo-sung, Presidente do Fórum Coreia-América Latina do Congresso Nacional da República da Coreia. rFoto: Marcos Corrêa/PR
(Brasília - DF, 08/07/2019) Encontro com Ernesto Araújo, Ministro de Estado das Ministério das Relações Exteriores Won Hye-young, Presidente do Grupo Parlamentar Coreia-Brasil do Congresso Nacional da República da Coreia e Kim Moo-sung, Presidente do Fórum Coreia-América Latina do Congresso Nacional da República da Coreia. rFoto: Marcos Corrêa/PR

A nova pesquisa do Datafolha foi divulgada nesta segunda-feira (8) e mostra que 33% dos entrevistados avaliam o governo federal como ótimo ou bom. Entretanto, a mesma porcentagem considera a gestão ruim ou péssima.

31% classificaram a administração como regular e 2% não opinaram.

O estudo ouviu 2.860 pessoas, maiores de 16 anos, em 130 municípios. Além disso, a margem de erro é de dois pontos percentuais.

Com esse resultado, Bolsonaro é o presidente eleito com pior avaliação desde Fernando Collor de Mello, em 1990. Após um semestre no governo, Collor tinha 34% de aprovação, mas somente 20% de rejeição.

Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff tiveram índices superiores a isso.

A última pesquisa do Datafolha foi divulgada em abril. Nela, 32% aprovavam a administração como boa ou ótima e 30% consideravam o governo ruim ou péssimo. 33% achavam a gestão regular e 4% não opinaram.

IBOPE

No final de junho, a pesquisa do Ibope teve resultados similares.  32% dos brasileiros avaliaram o governo como ótimo ou bom, mesmo percentual que classificam a gestão como ruim ou péssima.

Foi a pior avaliação do governo Bolsonaro neste ano, que começou com aprovação de 49%.

jan/2019: 49%

fev/2019: 39%

mar/2019: 34%

abr/2019: 35%

jun/2019: 32%