Política
Compartilhar

Bolsonaro deve ir a debates apenas se estiver no segundo turno

"No segundo turno, vou participar. Se eu for para o segundo turno, devo ir né", disse o presidente, que é pré-candidato à reeleição.

Redação - 31 de maio de 2022, 16:03

(Foto: Alan Santos/PR)
(Foto: Alan Santos/PR)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta terça-feira (31) que deve ir aos debates presidenciais apenas no segundo turno, caso seja um dos candidatos mais votados. A declaração foi dada em entrevista ao apresentador Ratinho, na rádio Massa FM.

"No segundo turno, vou participar. Se eu for para o segundo turno, devo ir né", disse o presidente, pré-candidato à reeleição.

Sobre a participação em debates na campanha para o primeiro turno das eleições de outubro deste ano, ele deu a ideia de perguntas serem combinadas entre os mediadores. Ele argumentou ainda que não teria tempo suficiente para responder às críticas dos presidenciáveis.

"Vamos analisar isso aí porque eu acho que debate teria que ser para ter perguntas pré-acertadas antes, com os encarregados de fazer o debate, para não baixar o nível. [...] Se eu for, os 10 candidatos ali vão querer todo o tempo dar pancada em mim. E eu não vou ter tempo de responder para eles. Vai fazer pergunta para outro, vão dar pancada em mim, depois a pergunta para outro", concluiu.

Nas eleições em 2018, quando foi eleito presidente, Bolsonaro participou apenas de dois debates: na Band e na RedeTV!, em agosto daquele ano. No dia 6 de setembro, ele foi vítima de um atentado à faca na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais.

Após ficar internado e passar por procedimentos cirúrgicos, o então deputado federal afirmou que não participaria de nenhum debate no primeiro turno. No segundo turno, quando disputou com Fernando Haddad (PT), Bolsonaro também preferiu ficar de fora dos encontros.

PESQUISAS INDICAM SEGUNDO TURNO ENTRE LULA E BOLSONARO

As últimas pesquisas eleitorais indicam a possibilidade de a realização de um segundo turno entre Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL). Confira os números do levantamento divulgado pelo Ipespe na semana passada:

Ipespe - 27/05/2022 - Presidência da República

  • Lula (PT): 45%
  • Jair Bolsonaro (PL): 34%
  • Ciro Gomes (PDT): 8%
  • Simone Tebet (MDB): 3%
  • João Doria (PSDB): 2%
  • André Janones (Avante): 2%
  • Pablo Marçal (PROS): 0%
  • Felipe D'Ávila (Novo): 0%
  • Vera Lúcia (PSTU): 0%
  • José Maria Eymael (DC): 0%
  • Luciano Bivar (União Brasil): 0%
  • Sofia Manzano (PCB): 0%
  • Leonardo Péricles (UP): 0% (não foi citado)

Brancos e nulos somam 3%. Eleitores indecisos estão em 2%. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95,5%.

Foram realizadas 1.000 entrevistas com eleitores todas as regiões do Brasil, entre os dias 23 e 25 de maio. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral com o número BR-07856/2022.