Política
Compartilhar

Bolsonaro chama Elon Musk de "mito da liberdade" em encontro com empresários

O presidente Jair Bolsonaro esteve em um encontro com o bilionário Elon Musk e diversos empresários brasileiros em São Paulo.

Redação - 20 de maio de 2022, 14:10

(Reprodução)
(Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro participou de um almoço com Elon Musk nesta sexta-feira (20) em um hotel em Porto Feliz, no interior de São Paulo, e rasgou elogios ao bilionário sul-africano em discurso feito aos ministros e empresários presentes.

"O mais importante da presença dele é algo que é imaterial. Hoje em dia poderíamos chamá-lo de mito da liberdade. É aquilo que nos fará falta para qualquer coisa que porventura possamos pensar para o futuro", disse Bolsonaro.

"O exemplo que ele nos deu há poucos dias, quando se anunciou a compra do Twitter, para nós aqui foi como um sopro de esperança. O mundo todo passa por pessoas que tem vontade de roubar essa liberdade de nós. E a liberdade é a semente para o futuro", completou o chefe do Executivo.

Musk aterrissou no Brasil por volta das 9h, no aeroporto São Paulo Catarina Internacional, na região de São Roque (SP).

"Superanimado por estar no Brasil para o lançamento do Starlink para 19 mil escolas desconectadas em áreas rurais e monitoramento ambiental da Amazônia", disse ele no Twitter.

O QUE ELON MUSK VEIO FAZER NO BRASIL

O bilionário aceitou o convite do ministro das Comunicações, Fábio Faria, para lançar o serviço de internet via satélite Starlink. Segundo Musk, o serviço vai conectar 19 mil escolas em áreas rurais e irá auxiliar no monitoramento ambiental da Amazônia.

A intenção do governo brasileiro é aumentar a conectividade da região Norte. 

Contudo, a parceria entre o governo brasileiro e Elon Musk também é uma forma de constrangimento para a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), responsável por avaliar permissão para concorrentes de Musk, como a Amazon.

EMPRESÁRIOS NÃO SABIAM DA PRESENÇA DE BOLSONARO

Diversos empresários não foram avisados da presença do presidente Jair Bolsonaro no evento com Elon Musk até a noite desta quinta-feira, de acordo com a Folha de S. Paulo.

Alguns deles discutiram cancelar a presença com receio de serem usados politicamente na promoção de Bolsonaro, que disputa a reeleição. 

Entre os empresários que foram ao almoço estão Luciano Hang (Havan) e Flávio Rocha (Riachuelo), André Esteves (BTG Pactual), Alberto Leite (FS) , Ricardo Faria (Granja Faria), Zeco Auriemo (JHSF), Carlos Sanchez (EMS), Rubens Ometto (Cosan), Rubens Menin (MRV e Inter), Carlos Fonseca (Galápagos), Rodrigo Abreu (Oi), José Félix (Claro), Pietro Labriola e Alberto Griselli (Tim), Jorge Moll Filho (Rede D´Or).

Além do empresariado, também estiveram presentes os ministros general Heleno, Ciro Nogueira, Carlos França e Paulo Sérgio.