Política
Compartilhar

Câmara de Curitiba retoma sessões plenárias nesta terça (1)

O governador do Paraná, Ratinho Júnior, e o vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, participaram da atividade da CMC, presidida pelo vereador Tico Kuzma (Pros).

Redação - 01 de fevereiro de 2022, 12:34

Foto: Divulgação/CMC
Foto: Divulgação/CMC

A Câmara Municipal de Curitiba (CMC) retomou nesta terça-feira (1) a realização de sessões plenárias, encerrando o período de recesso parlamentar.

O governador do Paraná, Ratinho Júnior, e o vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, participaram da atividade da CMC, presidida pelo vereador Tico Kuzma (Pros). Por ser a primeira do ano, a plenária é reservada para a instalação da sessão legislativa do ano de 2022 e, tradicionalmente, aberta para a participação de autoridades.

O Regimento Interno da casa estabelece que cada legislatura tem a duração de quatro anos, sendo dividida em quatro sessões legislativas. Cada sessão, por sua vez, possui dois períodos – de 1º de fevereiro a 30 de junho e de 1º de agosto a 20 de dezembro.

“"Neste ano, vamos manter o trabalho que adotamos na nossa gestão, pautando projetos importantes para a cidade e que façam a diferença na vida das pessoas, fomentando a discussão construtiva com cada vez mais participação da sociedade civil. Seguimos com a modernização da Câmara para melhor  representar o cidadão e defender os interesses da sociedade, com o aprofundamento do Planejamento Estratégico, para projetar o Legislativo para os próximos 30 anos”, projeta Tico Kuzma.

"A expectativa, como em todo o ano que se inicia, é de que as coisas sejam boas, com projetos importantes para a cidade. Devem aparecer ótimas iniciativas e estamos prontos para o diálogo”, garante Pier Petruzziello (PTB), líder do governo na CMC.

Já a vereadora Professora Josete (PT) afirma que, em 2022, "a oposição continuará a sua luta na busca do aprofundamento de políticas públicas dirigida à maior parte da população, principalmente as pessoas mais vulneráveis". "A nossa luta continua sendo a construção de uma cidade menos desigual", afirma a líder da oposição na CMC.

No ano passado, que marcou o início da 18ª legislatura, houve a posse do prefeito Rafael Greca, eleito para o seu terceiro mandato à frente do Poder Executivo de Curitiba. Neste ano, ele não participou presencialmente da sessão na CMC por estar em recuperação de uma cirurgia de laparoscopia, realizada no dia 27, no Hospital Marcelino Champagnat, para a correção de hérnias já existentes. Ele receberá alta ainda hoje.