Carla Zambelli diz que não participará de ato pró-Bolsonaro após passar mal

Redação

zambelli bolsonaro ato

A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) avisou que não vai participar da manifestação a favor de Jair Bolsonaro (sem partido) neste domingo (31) após passar mal durante a madrugada. O ato, que vem sendo praxe dos bolsonaristas nos últimos finais de semana, está marcado para iniciar às 10h e deve reunir os apoiadores do presidente em frente ao Palácio do Planalto.

“A deputada passou mal as (sic) 5h40 e não estará presente no ato pró Bolsonaro deste domingo. Já foi medicada, mas recomendam que ela fique em repouso. Desejamos sorte e luz para quem for”, avisou um profissional da equipe de Zambelli no Twitter da deputada.

Em resposta aos seus seguidores, Zambelli disse ter tido uma crise de fibromialgia, doença que se manifesta por dor e fraqueza muscular. Um usuário quis que ela comprovasse que realmente passou mal e ela disse que irá publicar um diagnóstico médico durante o dia.

ZAMBELLI TEM SIDO APOIADORA FIEL DE BOLSONARO

Carla Zambelli tem mostrado fidelidade ao presidente Jair Bolsonaro desde que sua conversa com Sergio Moro foi divulgada pelo Jornal Nacional, da Rede Globo. Na troca de mensagens, Zambelli insistiu para que Moro não saísse do governo e que iria conversar com Bolsonaro para garantir que ele fosse indicado ao STF (Supremo Tribunal Federal). Na resposta, o ex-ministro enviou: “prazada, não estou à venda”.

Nesse cenário, o ministro Celso de Mello requisitou o depoimento de Zambelli no inquérito que investiga uma suposta interferência política de Bolsonaro na PF (Polícia Federal). A deputada federal prestou esclarecimentos no dia 13 deste mês e negou que fez um acordo prévio com o presidente para oferecer uma vaga no STF a Moro. Na visão dela, a indicação do ex-juiz federal seria um “caminho natural”, mas nunca conversou sobre isso ou sobre as mudanças na PF com Bolsonaro.

Conforme reportagem do UOL, Zambelli se tornou uma espécie de “auxiliar informal” do governo federal. Além do episódio com Moro, ela também teve participação na mudança da atriz Regina Duarte, que saiu da Secretaria Especial da Cultura para assumir a Cinemateca.

Previous ArticleNext Article