Maioria do STF vota para manter Renan na presidência do Senado

Jordana Martinez


A maioria do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu na tarde desta quarta (07), por seis votos a três, manter o presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB-AL) no cargo.

Votaram pela permanência os ministros Celso de Mello, Teori Zavascki, Dias Toffoli, Luiz Fux, Ricardo Lewandowski e a presidente do tribunal, Cármen Lúcia. Pelo afastamento votaram os ministros Marco Aurélio Mello, relator do processo, Edson Fachin e Rosa Weber. Gilmar Mendes, que está em viagem no exterior, e Luís Roberto Barroso, que se declarou impedido de julgar o caso, não participaram da sessão.

A decisão de Marco Aurélio que afastou Renan foi proferida no início da noite de segunda-feira (5), mas o senador continua no cargo porque a Mesa da Casa se recusou a cumprir a decisão. Os senadores decidiram esperar decisão definitiva do plenário do Supremo.

 

Previous ArticleNext Article
Profissional multimídia com passagens pela Tv Band Curitiba, RPC, Rede Massa, RicTv, rádio CBNCuritiba e BandNewsCuritiba. Hoje é editora-chefe do Paraná Portal.
[post_explorer post_id="402017" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]