Covid-19: vacina da UFPR é assunto para a Câmara de Curitiba; veja ao vivo

Redação

cmc, plenário, câmara municipal de curitiba, vereadores, regime de urgência, funcionalismo, reajuste, reajuste salarial, servidores municipais de curitiba, ipca, inflação

Nesta segunda-feira (10), o professor Ricardo Marcelo Fonseca participa do plenário virtual da Câmara de Vereadores de Curitiba para falar do andamento da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela UFPR (Universidade Federal do Paraná).

No mês passado, o reitor afirmou em coletiva que imprensa que a previsão é que a vacina da universidade paranaense fique pronta somente em 2022.

Apesar da projeção, Fonseca reiterou que a função é ajudar na imunização da população ao longo dos anos, já que não há certeza sobre a duração da imunização das vacinas.

Para criar um imunizante, é possível usar ovírus inteiro (como faz a CoronaVac),ácidos nucleicos (como da Pfizer e Moderna), vetor viral, que é usado vírus diferente do original, que contém parte do material genético inserido no genoma (caso da AstraZeneca) e proteínas isoladas do vírus ou produzidas de forma recombinante, que é a forma da vacina da Covid-19 da UFPR.

Os estudos foram iniciados em junho de 2020 e, até agora, apresentaram resultados favoráveis e que confirmam a produção de anticorpos contra o novo coronavírus.

Para tirar novas dúvidas e falar sobre o andamento da vacina contra a Covid-19 da UFPR, o reitor participa da sessão remota da Câmara Municipal de Curitiba desta segunda-feira (10). Assista abaixo!

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="763021" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]