Política
Compartilhar

Dallagnol defende atuação de procuradores de SP em caso ligado ao PSDB

O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, afirmou nesta segunda (19) que "não..

Folhapress - 19 de março de 2018, 20:51

O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, afirmou nesta segunda (19) que "não é tem de ser muito criteriosa. Indivíduo desonesto e corrupto tem que ser riscado do mapa", disse Livianu.

Questionado sobre a ausência de protestos como os de 2016 neste ano, Livianu acredita que a "pauta do impeachment" era muito forte e houve uma saturação. "As pessoas pensam que cumprem o seu papel manifestando-se em redes sociais", disse.

Para Dallagnol, o voto é muito mais importante do que ir às ruas, em protestos que, para ele, podem ser pontuais. "Nós podemos muito mais com votos do que indo às ruas esse anos", afirmou.