Deltan Dallagnol vai deixar comando da força-tarefa da Lava Jato

Redação

deltan lava jato força-tarefa julgamento cnmp

Deltan Dallagnol, coordenador da Lava Jato em Curitiba, vai deixar o comando da força-tarefa, porém, ainda não foi divulgada uma data exata para sua saída.

A informação foi divulgada pela CNN Brasil. O Paraná Portal tenta contato com o MPF-PR (Ministério Público Federal do Paraná), que ainda não retornou as ligações.

Segundo a emissora,  Dallagnol deixa a força-tarefa da Lava Jato após seis anos para acompanhar um tratamento de saúde de sua filha.

O comunicado da saída do coordenador da operação em Curitiba chega uma semana antes do procurador-geral da República, Augusto Aras, decidir se renova a equipe da capital paranaense.

Na última semana, no dia 25 de agosto, o CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) decidiu arquivar a queixa movida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra Deltan Dallagnol.

O ex-coordenador da força-tarefa da Lava Jato foi questionado pela forma como apresentou a primeira denúncia criminal contra o petista, em 2016. Na ocasião, os procuradores alugaram um salão em um hotel de Curitiba.

Apesar do negar provimento à queixa, o CNMP fez críticas à força-tarefa. “O PowerPoint em si gerou enorme polêmica, e esses elementos todos de informação indicam que durante a entrevista coletiva os membros do Ministério Público Federal exorbitaram do dever de informação e passaram a externar em forma de palestra sua convicção sobre os fatos que ainda estavam em investigação, como se já estivessem provados”, disse o conselheiro Sebastião Caixeta.

Previous ArticleNext Article