Deputado Miranda afirma que nunca tratou sobre compra de vacinas com Ricardo Barros

Pedro Ribeiro

Deputado diz que Bolsonaro citou nome de Ricardo Barros ao falar suspeitas em compra da Covaxin

 

Em um áudio de entrevista à revista Crusoé que circula nas redes sociais, deputado Luis Miranda deixa claro que líder do Governo não falou sobre a compra da vacina indiana Covaxin.

O deputado Luis Miranda (DEM-DF) afirmou em entrevista para a revista Crusoé que não tratou da compra do imunizante Covaxin com o líder do governo na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros. Em áudio da entrevista que circula nas redes sociais o deputado deixa claro que os dois parlamentares jamais conversaram sobre a aquisição da vacina.

Miranda narra à reportagem um jantar ocorrido na residência do lobista Silvio Assis, no lago Sul em Brasília. “Na verdade é um evento normal, como qualquer evento que parlamentares participam, com vários deputados, inclusive com a presença, sim, do líder do governo Ricardo Barros mas que não teve nenhuma conversa comigo nesse sentido”.

PROPINA – Na conversa com o repórter da revista, Luis Miranda declarou que, ao sair da casa, foi abordado por Silvio Assis com o pedido para auxiliar nas negociações do Ministério da Saúde para a aquisição da Covaxin. “Deputado, ajuda a gente”, teria dito o lobista a Miranda no caminho para o veículo do parlamentar.

Em troca, Silvio Assis propôs, de acordo com Luis Miranda, uma propina de seis centavos de dólar por vacina. O deputado narra que rechaçou a proposta e ameaçou Assis de prisão. Com o endurecimento da conversa, o lobista não abordou mais o assunto.

O nome do líder Ricardo Barros é citado apenas uma vez em mais de 18 minutos de conversa, quando Miranda afirma que não tratou do assunto com ele. Recepções e jantares de deputados, autoridades e empresários são comuns no setor de mansões de Brasília. Regularmente são promovidos encontros para troca de contatos e alinhamento de bancadas.

TWITTER- Ontem à noite, logo após a reportagem da Crusoé ir ao ar, Miranda declarou em seu perfil no Twitter que “todas as minhas conversa com @RicardoBarrosPP foram republicanas”.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="772947" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]