Em 1º discurso, novo chanceler defende ‘diplomacia da vacina’ e desenvolvimento sustentável

Ricardo Della Coletta - Folhapress

Carlos França fez primeiro discurso

Em seu primeiro discurso após assumir o cargo, nesta terça-feira (6), o novo ministro das Relações Exteriores, Carlos França, prometeu engajar o Itamaraty numa “verdadeira diplomacia da saúde” e colocou a área do desenvolvimento sustentável como uma das prioridades da sua gestão.

França, indicado na semana passada para assumir o Itamaraty no lugar de Ernesto Araújo, participou de cerimônia de transmissão de cargo no Palácio do Planalto.
O ato foi fechado, sem transmissão, e o Itamaraty divulgou posteriormente o discurso do novo chanceler.

A fala de França contrasta com os discursos de seu antecessor, um dos expoentes da ala ideológica do governo Bolsonaro. Ernesto costumava destacar temas como a defesa das identidades nacionais e críticas a slogans políticos usados por movimentos populistas de direita, como o chamado globalismo.

Veja a íntegra do discurso no site do Ministério das Relações Exteriores.

 

Leia também: Covid-19: farmacêuticas levam multa por vender remédio acima do preço

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="755916" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]