Política
Compartilhar

Emendas PIX: apenas Fruet não fez repasse especial para cidades

Medida destina recursos para prefeituras de municípios de cada estado. Deputado argumenta que isso dificulta a fiscalização da aplicação do dinheiro público.

Redação - 20 de julho de 2022, 13:30

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O deputado federal Gustavo Fruet (PDT-PR) foi o único parlamentar do estado em Brasília a não utilizar as chamadas "Emendas PIX". A medida destina recursos para prefeituras de municípios de cada estado.

Outros três deputados: Ney Leprevost, Marco Brasil e Sandro Alex estavam afastados dos mandatos e retornaram à Câmara após o prazo para destinação de emendas. Os suplentes deles utilizaram as emendas PIX.

Em 2022, os deputados do Paraná destinaram mais de R$ 208 milhões para as prefeituras do estado.

Gustavo Fruet argumenta que as "Emendas PIX" dificultam a fiscalização da aplicação do dinheiro público, uma vez que não tem destinação específica e não depende de aprovação de projeto prévio para liberação.

Segundo Gil Castelo Branco, diretor da ONG (Organização não Governamental) Contas Abertas, a medida facilita a corrupção.

“Elas são na verdade um cheque que em branco da União. O recurso é repassado para que os prefeitos gastem como quiserem. Muitas vezes estes prefeitos têm ligações políticas ou até mesmo familiares com os deputados”, conta.