Engenheiro diz que foi contratado por amigo de Lula para reformar sítio

Roger Pereira

Lula Sítio Atibaia Lava Jato

O engenheiro Emerson Cardoso Leite, que trabalhou no grupo Bertin, afirmou, em depoimento ao juiz federal Sérgio Moro, que foi contratado pelo pecuarista José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para reformar o sítio de Atibaia atribuído ao ex-presidente pelo Ministério Público Federal, em ação penal em que Lula é acusado de receber propina da Odebrecht e da OAS em forma de reformas na propriedade rural.

“Eu conheci o Bumlai quando ele me procurou porque precisava de uma equipe para fazer uma reforma no sítio. Ele me ligou e falou que precisava fazer uma reforma em um sítio. Interpretei como mais uma obra em um de seus vários negócios. Mas quando ele me descreveu o que precisava ser feito, expliquei que não era arquiteto, não mexia com esse tipo de obra. Então liguei na Usina São Fernando e pedi para um arquiteto ir para Atibaia. O arquiteto Igenes dos Santos Irigaray Neto foi comigo e passamos um panorama do que precisava ser feito e um orçamento da obra para Bumlai”, relatou.

O engenheiro disse que acertou todos os detalhes da reforma com Bumlai em outubro de 2010 e que o pecuarista demonstrou pressa em concluir a reforma. “Ele tinha uma pressa desesperada, queria que entregássemos ainda naquele ano”, disse. O ano de 2010 foi o ano em que Lula encerrou seu segundo mandato como presidente da República.

O engenheiro contou que, apesar de colocar uma grande equipe trabalhando na obra, não conseguiu cumprir o cronograma estabelecido por Bumlai e acabou sendo substituído por uma grande construtora. “Contratamos uma equipe para fazer o serviço e, no meio deste andamento, que não foi na velocidade que ele queria, ele brigou comigo e colocou outra empresa para tocar o serviço, não sei se a OAS ou a Odebrecht”, disse.

Questionado se sabia que o sítio era frequentado pelo ex-presidente Lula, Cardoso Leite negou. “Bumlai nunca informou para quem era a obra. Depois, o arquiteto me relatou que Dona Marisa esteve lá, o que me pegou de surpresa”, disse, sem no entanto, dar detalhes de como foi esse contato do arquiteto com a ex-primeira-dama.

Previous ArticleNext Article
Repórter do Paraná Portal
[post_explorer post_id="509697" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]