Política
Compartilhar

Gilmar Mendes barra execução de pena em 2ª instância de quatro condenados

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), barrou liminarmente a execução da pena de quatro réus que h..

Jordana Martinez - 14 de março de 2018, 16:54

(Elza Fiúza/Agência Brasil)
(Elza Fiúza/Agência Brasil)

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), barrou liminarmente a execução da pena de quatro réus que haviam sido condenados em 2ª instância, no âmbito da Operação Catuaba - investigação sobre um suposto esquema de sonegação fiscal no setor de bebidas. A decisão de Gilmar foi tomada em habeas corpus no dia 5 de março e beneficiou os condenados que estavam detidos desde junho do ano passado.

Saiba mais em UOL