Governador de Nova York renuncia após denúncias de assédio sexual

Folhapress

Cuomo renuncia

Uma semana após virem a público os resultados de uma ampla investigação sobre assédio sexual, o governador de Nova York, Andrew Cuomo, renunciou ao cargo nesta terça-feira (10).

Democrata, Cuomo servia desde 2011 como governador do quarto estado mais populoso dos Estados Unidos. No último dia 3, a procuradora-geral de Nova York, Letitia James, divulgou os resultados de um inquérito de cinco meses que concluiu que o político assediou sexualmente 11 mulheres e violou leis estaduais e federais enquanto criava um “clima de medo” no ambiente de trabalho.

A vice-governadora Kathy Hochul assumirá o cargo. Advogada de formação, ela trabalhou com questões ligadas a gênero, inclusive com uma campanha para combater justamente o assédio sexual nas universidades americanas.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="782066" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]