Política
Compartilhar

Governo troca comando da segurança pública, após ataques em Guarapuava

Marinho deixa a pasta dias após os ataques que levaram terror à população de Guarapuava, no Centro do estado, e vitimou um policial militar.

Rafael Nascimento - 27 de abril de 2022, 10:08

Foto: Divulgação/Sesp
Foto: Divulgação/Sesp

O Governo do Paraná trocou o comando da Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp). O Coronel Romulo Marinho Soares deixa o cargo e será substituído por Wagner Mesquita. O anúncio foi oficializado nesta quarta-feira (27) pelo governador Ratinho Junior, mas a informação foi antecipada ontem (26) pelo Paraná Portal.

Marinho deixa a pasta dias após os ataques que levaram terror à população de Guarapuava, no Centro do estado, semana passada. Na oportunidade, uma quadrilha fortemente armada e composta por pelo menos 30 homens atacou a sede de uma transportadora de valores. Durante a ação, os suspeitos também atiraram contra o 16º Batalhão de Polícia Militar. Um dos tiros acertou a cabeça do Cabo Ricieri Chagas, que teve morte cerebral constatada no último sábado (23).

Então secretário de segurança publica, Romulo Marinho Soares acompanhou de perto o grande cerco policial montado em Guarapuava e região, que contou com mais de 260 policiais. Apesar dos esforços das forças de segurança, nenhum dos suspeitos foi preso até o momento.

Durante o comando de Romulo Marinho Soares, o governo alterou o plano de carreira das forças policiais e implementou o Departamento de Polícia Penal no estado, entre outras ações.

"Ele fez mudanças importantes na Secretaria, que refletiram em melhores indicadores de segurança pública e proteção da sociedade. A partir de agora, vai cumprir uma nova missão", disse o governador. 

Wagner Mesquita assume a Sesp

Delegado da Polícia Federal, Mesquita assume o cargo pela segunda vez. Ele já trabalhou na Diretoria de Operações da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública e possui mais de 30 anos de experiência na área de segurança pública. Atualmente, estava à frente do Detran-PR.

Mesquita assume as funções nesta semana. O novo diretor-geral do Detran-PR será Adriano Furtado, ex-diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal e ex-superintendente da PRF no Paraná. Ele era diretor de Operações do Detran.