Política
Compartilhar

Greca é condenado a pagar R$ 50 mil por divulgação irregular de pesquisa

O juiz João Manassés de Albuquerque Filho, da 1ª Zona Eleitoral, condenou neste sábado (24) a Coligação Curitiba Inovaçã..

Redação - 25 de setembro de 2016, 12:02

O juiz João Manassés de Albuquerque Filho, da 1ª Zona Eleitoral, condenou neste sábado (24) a Coligação Curitiba Inovação e Amor, liderada pelo candidato Rafael Greca (PMN), a pagar R$ 150 mil de multa por divulgar pesquisa irregular. São cinquenta mil Ufir (R$1,0641) para cada um.

Segundo o magistrado, Rafael Greca, o candidato a vice Eduardo Pimentel (PSDB) e a coligação infringiram o artigo 33, parágrafo 3, da Lei 9.504/97.

A denúncia partiu da Coligação Curitiba Justa e Sustentável, do candidato Requião Filho (PMDB), que contestou os dados supostamente colhidos e não divulgados oficialmente pela Datacenso.

O mesmo juiz já havia concedido três liminares no dia 10 de setembro determinando a retirada de matérias publicadas em um blog de notícias, no site do PSDB e perfil no Facebook de Greca.

Antes da publicação oficial, após pedido de auditoria, a divulgação da pesquisa Datacenso foi cancelada pelo instituto.

Cabe recurso da decisão.

181c2ca2-4926-40b6-9474-b648e77361d7 (1)