TRF4 realiza julgamento de Lula no Caso Sítio de Atibaia

Redação

TRF4 realiza julgamento de Lula no Caso Sítio de Atibaia

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sediado em Porto Alegre (RS), realiza hoje (27) o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso Sítio de Atibaia. O político pede a anulação do processo porque o considera uma “farsa jurídica”. O julgamento de Lula hoje no TRF4 pode resultar em uma nova condenação em segunda instância.

A sessão começou às 9h. O colegiado é formado pelos desembargadores federais Thompson Flores (presidente da 8ª Turma), João Pedro Gebran Neto (relator das ações da Operação Lava Jato no tribunal), e Leandro Paulsen, revisor. O Ministério Público Federal está representado pelo procurador Maurício Gerun.

Quatro advogados devem fazer sustentação oral no julgamento de Lula hoje no TRF4: Cristiano Zanin, representando Lula, Carolina Luiza de Lacerda Abreu, representando José Carlos Bumlai, Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, representando Roberto Teixeira, e Luiza Alexandrina Vasconcelos Oliver, representando Fernando Bittar.

A abertura foi feita pelo presidente da turma. O desembargador Gebran leu o relatório e começaram as sustentações orais, falando o representante do MPF e depois os advogados. No momento fala o advogado do ex-presidente Lula, Cristiano Zanin.

ACOMPANHE AO VIVO

O CASO

Neste caso, Lula foi condenado em fevereiro a 12 anos e 11 meses de prisão, por corrupção e lavagem de dinheiro. A sentença foi determinada pela juíza substituta Gabriela Hardt, da 13ª Vara Federal de Curitiba. De acordo com a defesa, a magistrada copiou trechos de outra sentença do ex-juiz Sergio Moro. Por isso, a condenação também contestada.

O ex-presidente foi acusado de receber propinas das empreiteiras Odebrecht, OAS e Schahin. Conforme a denúncia, o benefício se deu por meio da compra e reforma do Sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP). Em contrapartida, o político teria auxiliado os empresários a obterem contratos vantajosos com a Petrobras.

A defesa nega todas as irregularidades, mas o MPF (Ministério Público Federal) pede a ampliação da pena. O processo chegou à segunda instância em maio e o julgamento de Lula no TRF4 acontece hoje (25), em Porto Alegre.

JULGAMENTO DE LULA HOJE NO TRF4

O caso Sítio de Atibaia será analisado no Tribunal Regional Federal da 4ª Região pela da 8ª Turma. Compõem o grupo os desembargadores João Pedro Gebran Neto, Leandro Paulsen e Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz.

A defesa do ex-presidente Lula listou sete argumentos para sustentar o pedido de anulação do processo. Além disso, reforçam o pedido de suspeição dos desembargadores Gebran Neto e Thompson Flores. O caso também é analisado pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça).

O julgamento de Lula hoje no TRF4, em Porto Alegre, será transmitido ao vivo pelo canal oficial do tribunal no youtube.

Previous ArticleNext Article