Justiça confirma condenação de ex-presidente da Câmara de Guarapuava

Francielly Azevedo


O Tribunal de Justiça do Paraná confirmou a condenação do ex-presidente da Câmara Municipal de Guarapuava, Edony Klüber. Essa foi a terceira condenação do réu por peculato (desvio de dinheiro público). Com pena, ele teve a perda do cargo público decretado e três anos e quatro meses de prisão, além de multa e ressarcimento do dano aos cofres públicos, estimado em R$ 106.754,14 (valor que deverá ser acrescido de juros e correção monetária).

O vereador foi denunciado pelo Ministério Público do Paraná (MPPR) no âmbito da Operação Fantasma II, deflagrada pelo Núcleo de Guarapuava do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Conforme o MPPR, a investigação identificou uma série de irregularidades na Casa Legislativa durante a gestão do ex-vereador, (2013-2014) com prática de crimes de peculato, corrupção ativa e passiva e associação criminosa.

Segundo o MPPR, estão em andamento 13 ações penais que tiveram origem na investigação.

Previous ArticleNext Article
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.
[post_explorer post_id="549313" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]