Lava Jato: 18 réus têm mais de R$ 400 milhões bloqueados pela Justiça

Redação

lava jato, jfpr, justiça federal, paraná, força-tarefa, bloqueio, réus, pt, partido dos trabalhadores, torre pituba, petrobras, salvador, bahia, oas, léo pinheiro

A Justiça Federal do Paraná bloqueou os bens de 18 réus da Operação Lava Jato em maio a uma ação por improbidade administrativa relacionada à construção da Torre Pituba, sede da Petrobras em Salvador. O valor total bloqueado ultrapassa R$ 400 milhões.

Entre os réus da ação civil estão João Vaccari Neto, Renato Duque, Valdemir Flávio Garreta, José Adelmário Pinheiro Filho e a Construtora OAS.

Além disso, o juiz federal Friedmann Anderson Wendpap, da 1ª Vara Federal de Curitiba, determinou o bloqueio de R$ 18 milhões do PT (Partido dos Trabalhadores).

A ação civil por improbidade administrativa foi entregue à JFPR pela força-tarefa Lava Jato no Paraná. Conforme o MPF (Ministério Público Federal), o objetivo é garantir o ressarcimento caso os réus sejam considerados culpados.

Assim, os bloqueios serão mantidos até que todos os valores apontados na ação penal sejam localizados.

De acordo com o juiz federal Friedmann Wendpap, é investigada “a existência ou não de indícios do alegado esquema envolvendo a construção da Torre Pituba, bem assim da participação individual de cada requerido”.

Previous ArticleNext Article