Política
Compartilhar

PoderData: Estável no 1º turno, Lula amplia vantagem sobre Bolsonaro no 2º

Conforme a pesquisa do PoderData, Lula tem 44% das intenções de voto no primeiro turno e Bolsonaro conta com 34%.

Do UOL - 22 de junho de 2022, 17:27

(Fotos: Ricardo Stuckert/PT e Isac Nóbrega/PR)
(Fotos: Ricardo Stuckert/PT e Isac Nóbrega/PR)

Pesquisa PoderData divulgada hoje pelo site Poder360 aponta que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aumentou sua vantagem para 17 pontos percentuais sobre o presidente Jair Bolsonaro (PL), em um eventual segundo turno. Lula tem 52% das intenções de voto, enquanto Bolsonaro ficou com 35%. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

No levantamento anterior do PoderData, realizado entre 5 e 7 de junho, Lula registrou 50% das intenções de voto no segundo turno, e Bolsonaro, 40%. Portanto, a distância entre os dois presidenciáveis aumentou em sete pontos percentuais. Lula oscilou dois pontos para cima —dentro da margem de erro—, e Bolsonaro caiu cinco pontos.

No primeiro turno, Lula e Bolsonaro estabilizaram em relação à pesquisa anterior. O petista tem 44% das intenções de voto —tinha 45% na anterior—, e o atual presidente, 34% —tinha 35%. Como Lula tem 44%, e a soma dos demais candidatos é de 45%, o levantamento aponta, na margem de erro, que a disputa irá para o segundo turno.

Na sequência aparecem Ciro Gomes (PDT), com 6%, e André Janones (Avante), com 2%. Eles estão empatados tecnicamente, no limite da margem de erro.

A senadora Simone Tebet (MDB), o ex-deputado federal José Maria Eymael (DC) e o deputado federal Luciano Bivar (União Brasil) ficaram com 1% cada. Os três empatam tecnicamente com Janones, mas não com Ciro.

Leonardo Péricles (UP), Felipe D'Avila (Novo), Pablo Marçal (Pros), Sofia Manzano (PCB) e Vera Lucia (PSTU) não pontuaram —na margem de erro, empata com Janones, Tebet, Eymael e Bivar.

Brancos e nulos somaram 5%, o mesmo percentual dos que não sabem em quem votar. Os resultados são da pesquisa estimulada, quando os entrevistados recebem uma lista com os nomes dos pré-candidatos.

A pesquisa PoderData foi realizada com recursos próprios da empresa do grupo Poder360 Jornalismo, de 19 a 21 de junho, com 3 mil entrevistados por telefone. O levantamento foi feito em 302 municípios das 27 unidades da federação e custou R$ 103.715,00. O intervalo de confiança é de 95%, segundo o instituto, e o registro no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) é BR-07003/2022.