Mais de 2 mil eleitores solicitaram “voto em trânsito” em Curitiba

Francielly Azevedo


De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), 2.408 eleitores solicitaram o voto em trânsito em Curitiba. O prazo terminou nesta quinta-feira (23).

O voto em trânsito possibilita que o eleitor que tem viagem programada no dia da eleição, possa votar em outra cidade. Para isso, era necessário fazer a solicitação à Justiça Eleitoral.

Se o eleitor que solicitou a mudança, for viajar para outro estado, só poderá votar para presidente.

O voto em trânsito só pode ser feito em capitais ou cidades com mais de 100 mil eleitores. No Paraná estão habilitadas Curitiba, Londrina, Maringá, Ponta Grossa, Cascavel, São José dos Pinhais, Foz do Iguaçu, Colombo e Guarapuava.

Para quem estiver no exterior, o voto em trânsito não pode ser utilizado. Nesses casos, quem quiser votar deve ter um título eleitoral cadastrado fora do país.

Quem solicitou o voto em trânsito e não vai mais viajar, precisará justificar o voto no dia da eleição. O primeiro turno está marcado para o dia 7 de outubro. Em caso de segundo turno, a data é 28 de outubro.

A lista com os colégios eleitorais fica disponível no site do TRE-PR.

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.