Michel Temer define Fernando Francischini como um dos vice-líderes na Câmara

Redação


Após três meses como presidente interino da República, Michel Temer (PMDB), definiu os nomes de 15 deputados que assumem a vice-liderança da Câmara dos Deputados nesta sexta-feira (5). Antes, Temer já havia definido o deputado André Moura (PSC-SE) como líder do governo na Casa.

Entre os parlamentares escolhidos por Temer para reforçar as negociações de interesse do Planalto no Legislativo está o ex-secretário de Segurança Pública e deputado federal paranaense Fernando Francischini (SD-PR). A lista foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira.

> Pediu pra sair: veja a carta de demissão de Francischini

Além do paranaense, a equipe de Temer conta com Darcisio Perondi (PMDB-RS), Julio Lopes (PP-RJ), Marcos Montes (PSD-MG), Marcelo Aro (PHS-MG), Marcelo Squassoni (PRB-SP), Luiz Carlos Busato (PTB-RS), Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), Alceu Moreira (PMDB-RS), Carlos Henrique Gaguim (PTN-TO), Tereza Cristina (PSB-MS), Capita o Augusto (PR-SP), Jorge Tadeu Mudalen (DEM-SP), Carlos Marun (PMDB-MS) e Rocha (PSDB-AC).

O principal desafio do grupo será reforçar o trabalho de Moura para aprovar pautas econômicas defendidas pela equipe de Temer e que ainda não avançaram na Casa. Entre os textos estão a proposta de emenda à Constituição (PEC 241/16) que limita os gastos públicos para despesas primárias nos Três Poderes e o projeto de lei complementar (PL 257/16) que trata da renegociação das dívidas dos estados. As duas matérias estão previstas para serem votadas na próxima semana.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="377115" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]