MPF defende manutenção do prazo de inscrição no Sisu com as notas do Enem

Jorge de Sousa

suspender parcelas, fies, cancelamento das parcelas, financiamento estudantil, estudantes, medida, pandemia, coronavírus

Após reunião nesta sexta-feira (24) da 1CCR/MPF (Câmara de Direitos Sociais e Atos Administrativos do Ministério Público Federal), o órgão decidiu reconhecer a regularidade do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), mantendo dessa forma o prazo de inscrição para o processo seletivo.

Dessa forma, o calendário de inscrições do Sisu segue até este domingo (26). Haviam dúvidas da manutenção desse prazo, após 250 representações na Justiça de estudantes insatisfeitos com a forma de correção do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

A Câmara emitiu comunicado com o reconhecimento da regularidade na apuração das notas do Enem ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, e também para o secretário de Educação Superior do MEC, Arnaldo Barbosa de Lima Jr, e ao presidente do Inep, Alexandre Lopes.

De acordo com Lopes, nenhum candidato que prestou o Enem foi prejudicado, porque o problema com as notas foi solucionado antes da abertura das inscrições do processo seletivo.

“A questão foi imediatamente resolvida pela equipe técnica do Inep, não se vislumbrando, no momento, prejuízos concretos aos alunos que se submeteram ao Enem, restando agora ao Instituto apurar administrativamente as causas e as responsabilidades pela ocorrência, o que já vem sendo feito pela Procuradoria Federal junto ao Inep”, declarou a subprocuradora-geral da República Célia Regina Souza Delgado.

Previous ArticleNext Article