MPF não aparece em audiência da Lava Jato

Roger Pereira


Um fato inusitado marcou uma audiência, nesta quinta-feira, na 13ª Vara Federal de Curitiba, responsável pelo julgamento das ações penais da Operação Lava Jato. O Ministério Público Federal não enviou nenhum promotor ou procurador para a audiência em que foi ouvido o empresário Roberto Guttman, testemunha de defesa do réu David Muino Suarez.

Por lei, a presença do Ministério Público é obrigatória em todos os atos de instrução criminal, como audiências de qualificação e de interrogatório, sob pena de nulidade. Mesmo assim, o juiz federal Sérgio Moro deu sequência à audiência. O magistrado intimou o Ministério Público Federal para justificar, em um prazo de cinco dias, a ausência na audiência. “Intime-se o MPF a esclarecer sua ausência na presente audiência. Deve comparecer, por evidente, nos atos do processo”, despachou.

Procurado pela reportagem, o Ministério Público Federal informou que “a ausência, uma exceção diante de todas as audiências já realizadas no âmbito da Lava Jato, ocorreu devido a um incidente de última hora que inviabilizou a presença do MPF. O imprevisto será devidamente informado ao juízo”.

Na audiência desta Roberto Guttman disse que abriu conta no banco BCI, do qual Suarez era vice-presidente e que nunca foi instruído a realizar nenhuma operação fora das regras de mercado pelo banqueiro.

Preso em novembro do ano passado, Suarez é acusado de atuar na abertura e constituição de contas bancárias usadas para lavar dinheiro de ex-diretores da área Internacional da Petrobras, segundo o Ministério Público Federal (MPF). Segundo a denúncia do MPF, Suarez foi o responsável por gerenciar as propinas ligadas a João Augusto Henriques, operador do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha e do PMDB, pagas principalmente em contratos envolvendo o campo de Benin, na África.

Previous ArticleNext Article
Repórter do Paraná Portal
[post_explorer post_id="549542" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]