Política
Compartilhar

Petrobras, a maior empresa do país, na mira de Bolsonaro

Bolsonaro troca presidente da Petrobras. Faz da maior empresa do Brasil seu jogo politico para reeleição.

Pedro Ribeiro - 24 de maio de 2022, 08:05

Foto Reproduçao
Foto Reproduçao

 

O presidente Jair Bolsonaro adotou a Petrobras como moeda de troca para sua campanha à reeleição. Vai, novamente, trocar o presidente da companhia, José Mauro Coelho, para evitar aumentos nos preços dos combustíveis que vem desgastando seu governo. O novo presidente deverá ser Caio de Andrade.

O certo é que se Bolsonaro não conseguir evitar os sucessivos aumentos nos preços dos combustíveis, ele terá sérios problemas até as eleições. O setor de transportes de cargas do país, em sua última pesquisa, realizada pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT) mostra que 83,7% das empresas de transportes condenam a política de preços da petroleira.

Haverá, ainda, mudanças no conselho da empresa, montado pelo ministro demitido Bento Albuquerque, almirante de esquadra, logo após o anúncio do reajuste do óleo diesel.

Como informamos nesta segunda-feira, a Petrobras iria anunciar um novo reajuste nos preços dos combustíveis, como previa setores dos transportes de cargas. Bolsonaro quer evitar novos aumentos.

Como o governo não pode mandar diretamente na decisão da empresa sobre os preços, ele tem a prerrogativa de mudar o conselho e o presidente, que, por consequência, mudam a diretoria. O passo seguinte é a mudança na política de preços, como quer Bolsonaro.

Leia também:
Ehden Abib, ex-vereador de Curitiba, morre aos 73 anos
Política
Ehden Abib, ex-vereador de Curitiba, morre aos 73 anos

Redação

23 de maio de 2022, 17:47

Doria recebe mensagem de Greca após desistência: "Dever cumprido"
Política
Doria recebe mensagem de Greca após desistência: "Dever cumprido"

Johan Gaissler

23 de maio de 2022, 16:40

Ratinho Junior diz que "Brasil realmente dá certo" nos três Estados do Sul
Política
Ratinho Junior diz que "Brasil realmente dá certo" nos três Estados do Sul

Redação

23 de maio de 2022, 15:20

« arraste para o lado »