Política
Compartilhar

Novo prefeito de Fazenda Rio Grande exonera mais de 130 comissionados

O novo prefeito também chegou a apresentar uma proposta para reduzir os custos da Prefeitura cortando secretarias e cargos em comissão.

Redação - BandNews FM Curitiba - 21 de fevereiro de 2022, 16:38

Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook

Mais de 130 servidores comissionados foram exonerados nesta segunda-feira (21) pelo novo prefeito de Fazenda Rio Grande, Marco Marcondes, do PROS. Ele assumiu o cargo por ser o vice do prefeito cassado no último sábado, Nassib Hammad, do PSL.

Marco se reuniu com os parlamentares hoje de manhã para detalhar as primeiras ações. Como medida inicial, ele exonerou os comissionados que faziam parte da antiga gestão para contratar a própria equipe. Ele também chegou a apresentar uma proposta para reduzir os custos da Prefeitura cortando secretarias e cargos em comissão.

Mandato cassado

O mandato do então prefeito eleito de Fazenda Rio Grande, Nassib Hammad (PSL), foi cassado pela Câmara Municipal da cidade no último sábado (19). O parlamentar é acusado de envolvimento em um esquema de fura-fila na vacinação contra a Covid-19, além de contratação irregular de servidores. 

Dos 11 vereadores que participaram da sessão, que durou horas e avançou pela madrugada de domingo (20), nove votaram a favor da cassação de Hammad.

Em julho de 2021, uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) foi criada para analisar denúncias contra a administração municipal. Durante as investigações, foi constatado que mais de 150 servidores da Prefeitura de Fazenda Rio Grande tomaram a vacina contra a Covid-19 indevidamente, furando a fila de prioridade.

Com informações da BandNews Curitiba.