Operação Lava Jato
Compartilhar

Defesa de Lula desiste de ouvir Renan Calheiros

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva peticionaram, na tarde desta terça-feira, o juiz federal Sérgio ..

Roger Pereira - 14 de março de 2017, 18:03

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva peticionaram, na tarde desta terça-feira, o juiz federal Sérgio Moro, titular da 13ª Vara Federal de Curitiba, responsável pelas ações penais em primeira instância relativas à Operação Lava Jato, manifestando a desistência da inquirição do senador Renan Calheiros como testemunha de defesa de Lula em processo que o ex-presidente é acusado de receber vantagens da Construtora OAS por meio da aquisição de um apartamento tríplex no Guarujá e do pagamento do transporte e armazenamentos de bens do ex-presidente retirados do Palácio Alvorada.

ANÚNCIO

O depoimento de Renan Calheiros estava previsto para as 11h desta quarta-feira e seria realizado por vídeoconferência a partir da sede da Justiça Federal de Brasília.

Ao declinar da testemunha os advogados de Lula sustentaram que o depoimento de Calheiros versaria sobre questões que já foram esclarecidas por outras testemunhas e documentos carreados aos autos.