Fachin envia a Moro investigação contra grupo do PMDB na Câmara

Narley Resende


Após a Câmara dos Deputados barrar a tramitação da denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência) por organização criminosa, o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Edson Fachin decidiu enviar ao juiz Sergio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, as investigações contra o restantes dos denunciados, aqueles que não possuem foro privilegiado.

Com a decisão, Moro deverá ser o juiz responsável pelo inquérito no qual também são investigados os ex-deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), e os ex-ministros Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) e Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). Esse inquérito sobre uma suposta organização criminosa ligada ao PMDB na Câmara tem ainda outros 14 investigados.

Previous ArticleNext Article