Marqueteiro do PT será interrogado por Moro neste mês

Jordana Martinez


O marqueteiro do PT, João Santana, e a esposa dele, Mônica Moura, serão interrogados pela primeira vez pelo juiz Sérgio Moro no final do mês. Os depoimentos foram marcados para o dia 21 de julho.

Eles são réus da 23ª fase da operação Lava Jato, acusados de manterem sete milhões e meio de dólares em contas secretas no exterior. O dinheiro, segundo as investigações, foi desviado da Petrobras. Os marqueteiros estão presos desde fevereiro. Santana está no Complexo Médico Penal, em Pinhais, e Mônica na Penitenciária Feminina de Piraquara.

Ainda na audiência do dia 21, o juiz Sérgio Moro vai interrogar outros dois acusados: o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, já condenado na Lava Jato a mais de 20 anos de prisão, e o operador e delator Zwi Zkornicki. No dia 19, serão ouvidos mais dois réus. A denúncia apurou crimes de corrupção, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

O interrogatório dos réus faz parte da etapa final do julgamento do processo. Depois disso, é aberto um prazo para as alegações finais das defesas e do Ministério Público Federal. Em seguida, sai a sentença do juiz.

Tabata Viapiana/ CBNCuritiba

 

Previous ArticleNext Article
Jordana Martinez
Profissional multimídia com passagens pela Tv Band Curitiba, RPC, Rede Massa, RicTv, rádio CBNCuritiba e BandNewsCuritiba. Hoje é editora-chefe do Paraná Portal.
[post_explorer post_id="370910" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]