“Momento político conturbado” favorece combate à corrupção, diz Moro

Jordana Martinez


Noite histórica em Brasília, e de comemoração em Maringá, terra natal do juiz Sérgio Moro. Enquanto os senadores votam a continuidade do processo de impeachment da presidente Dilma Roussef, o juiz da Lava Jato, operação que desencadeou todo o processo, fala de combate à corrupção, no local onde tudo começou.

Ex-aluno da Universidade Estadual de Maringá, Moro foi homenageado na noite desta quarta-feira (11), durante as comemorações dos 50 anos da UEM. O magistrado que estabeleceu novos paradigmas para a atuação de juízes e tribunais, falou para uma plateia lotada, com quase mil futuros advogados e juízes, que se espelham em sua atuação.

“Não é aceitável do ponto de vista econômico, nem do ponto de vista moral, varrer o problema para debaixo do tapete, mas aproveitarmos esse momento de cidadania mobilizada, milhões foram às ruas, com diversas bandeiras, mas uma bandeira comum que é o combate à corrupção, para institucionalizar e melhorar os nossos sistemas para o enfrentamento desse problema”, afirmou.

Sérgio Moro evitou falar de política, mas fez referência ao momento político atual: “é importante num momento político conturbado, que nós pensemos essas questões apartidariamente, e com espírito de tolerância”… “que essas conquistas dos processos judiciais em relação a esse processo de corrupção sistêmica possa fazer com que isso permaneça em nosso passado, e não mais no nosso futuro”, concluiu.

Previous ArticleNext Article
Jordana Martinez
Profissional multimídia com passagens pela Tv Band Curitiba, RPC, Rede Massa, RicTv, rádio CBNCuritiba e BandNewsCuritiba. Hoje é editora-chefe do Paraná Portal.