Moro encerra depoimentos das testemunhas de defesa na ação contra Bendine

Fernando Garcel


Encerram nesta terça-feira (31) as audiências das testemunhas de defesa dos réus da ação penal relacionada a 42ª fase da Lava Jato, batizada de Cobra. O principal alvo desta etapa, o ex-presidente da Petrobras e do Banco do Brasil, Aldemir Bendine será ouvido no dia 22.

Devem ser ouvidas dez pessoas, entre elas o patriarca da Odebrecht, Emílio Odebrecht e Graça Foster, que comandou a Petrobras entre 2012 e 2015. Os réus deste processo serão interrogados a partir do dia 9 de novembro.

O ex-executivo está preso deste julho deste ano na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Ele é acusado de receber três milhões de reais em propina da Odebrecht para facilitar a participação da empreiteira em contratos com a estatal.

Os pagamentos teriam sido feitos pouco tempo depois de ele assumir o cargo, entre junho e julho de 2015. Nomeado pela então presidente Dilma Roussef, Bendine tinha a função de estancar a corrupção na estatal.

Previous ArticleNext Article