PF pede prorrogação do inquérito sobre decreto dos portos

Roger Pereira


A Polícia Federal pediu nesta segunda-feira, 10, a prorrogação do inquérito dos Portos, que investiga o presidente Michel Temer. Esta é a quarta vez que a PF pede a prorrogação da apuração, desta vez, por mais 15 dias.

O inquérito apura se empresas que atuam no Porto de Santos, em especial a Rodrimar, foram beneficiadas pelo decreto assinado por Temer em maio de 2017. A medida ampliou de 25 para 35 anos as concessões do setor, prorrogáveis por até 70 anos.

O inquérito investigava inicialmente, além de Temer, o suplente de deputado federal paranaense Rodrigo Rocha Loures (PMDB), ex-assessor do presidente e ex-deputado federal, Antônio Celso Grecco e Ricardo Conrado Mesquita, respectivamente, dono e diretor da Rodrimar.

Previous ArticleNext Article
Repórter do Paraná Portal
[post_explorer post_id="552578" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]