Ratinho Jr. e Greca inauguram sistema com mais de mil câmeras espalhadas em Curitiba

Redação

curitiba paraná greca ratinho junior muralha digital

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), e o prefeito de Curitiba, Rafael Greca (DEM), inauguraram hoje (5) o Centro de Controle da Muralha Digital, sistema de monitoramento com mais de mil câmeras espalhadas pela capital. O novo aparelho de monitoramento também vai contribuir com o Centro Integrado de Comando e Controle (CICCR), da administração estadual.

“É uma parceria importante, estratégica para o Paraná e para Curitiba. O projeto usa o que há de mais avançado em termos tecnológicos e ampara com imagens e dados as forças de segurança que cumprem seu trabalho de proteger os cidadãos e coibir a criminalidade”, disse Ratinho.

De acordo com o governador, o Paraná terá recursos do Ministério da Justiça para expandir o sistema de monitoramento para a Região Metropolitana de Curitiba, Londrina e Foz do Iguaçu. “Hoje, segurança pública se faz de duas maneiras: presença física do policial nas ruas, garantindo a segurança da população, e tecnologia, que vem para reforçar e otimizar o trabalho desses policiais”, completou.

MURALHA DIGITAL EM CURITIBA: “SEGURANÇA EM TEMPO REAL”, DIZ GRECA

(Daniel Castellano / SMCS)

O prefeito Rafael Greca também celebrou o novo equipamento da Segurança Pública. Segundo ele, serão 1.742 câmeras, 191 locais com 804 faixas de radares e 185 botões de pânico em escola. Além disso, parte das 488 câmeras que já foram instaladas contam com reconhecimento facial.

“Temos agora a possibilidade da segurança em tempo real. A cidade passa a ser completamente controlada. Não mais permanecerá o corpo de uma criança numa mala no saguão da rodoviária, como no caso da menina Raquel Genofre”, lembrou o prefeito de Curitiba.

Além de todas as escolas municipais, as câmeras modernas foram colocadas  em pontos estratégicos da cidade, como a rodoferroviária, as Ruas da Cidadania, cemitérios, a entrada e a saída da cidade. Por fim, vale lembrar que as centrais 156 (Prefeitura de Curitiba), 153 (Guarda Municipal) e 190 (Polícia Militar) continuam funcionando 24 horas.

A inauguração do Centro de Controle Operacional foi a primeira fase do projeto. A segunda etapa, prevista entre março e abril, será da manutenção e substituição de câmeras existentes, além de instalação de câmeras em ônibus, terminais e estações-tubo. Por fim, a última fase será da possibilidade de integração com câmeras particulares. Segundo a prefeitura de Curitiba, o investimento total é de R$ 28 milhões.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="737477" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]