Projeto de lei quer reduzir em 30% mensalidade de universidades particulares do Paraná

Redação

universidade mensalidade sala de aula

Um projeto de lei do deputado estadual Ricardo Arruda (PSL) quer reduzir, no mínimo, em 30% a mensalidade das universidades particulares do Paraná durante a pandemia do novo coronavírus.

A medida foi apresentada nesta terça-feira (31) na Alep (Assembleia Legislativa do Paraná).

De acordo com o documento, o desconto deve ser concedido pelas unidades de ensino da rede privada do Paraná para alunos do modo presencial e também alunos de cursos Ead (Educação à Distância).

“Considerando que as instituições de ensino estão com as suas despesas reduzidas, nos itens como: água, energia, manutenção do espaço, alimentação de seus funcionários e alunos, em razão da suspensão das atividades presenciais, nada mais justo que os estudantes e/ou seus responsáveis financeiros, que também tiveram seus rendimentos afetados, tenham a sua mensalidade reduzida”, diz a justificativa do documento. 

Caso o projeto de lei seja aprovado, a rede de ensino que não conceder o desconto de 30% na mensalidade irá pagar uma multa. A medida tem vigência enquanto perdurar a quarentena do coronavírus.

CORONAVÍRUS NO PARANÁ

O Paraná confirmou 25 novos casos de coronavírus (Covid-19) e chegou a 185 desde o início da pandemia. Os números foram atualizados nesta terça-feira (31) pela Sesa (Secretaria de Estado da Saúde).

Cerca de 10% dos casos demandam leitos de internamento. De acordo com a Sesa, 12 pacientes estão na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e seis permanecem em leitos clínicos de enfermaria.

Além disso, o estado tem 521 casos de coronavírus em investigação. Ao todo, três pessoas morreram por complicações relacionadas à doença.

Previous ArticleNext Article