Réu por homicídio, deputado defende pena de morte

Roger Pereira


O programa Entrevista Coletiva, da Band Curitiba, em parceria com O Paraná Portal, do último sábado, entrevistou o mais novo deputado estadual do Paraná, Rubens Recalcatti (PSD). Delegado da Polícia Civil, Recalcatti assumiu mandato na última terça-feira, na vaga aberta por Chico Brasileiro (PSD), que assumiu a Prefeitura de Foz do Iguaçu.

Réu por homicídio, acusado de executar Ricardo Geffer o principal suspeito do assassinato do prefeito de Rio Branco do Sul, João Nazzari, durante a operação policial para prendê-lo, Recalcatti disse que não defende o lema de muitos dos parlamentardes da chamada “bancada da bala”, que defendem que “bandido bom é bandido morto”, mas ponderou que, para determinados tipos de criminoso, reincidentes, o País deveria rever sua legislação e adotar a pena de morte.

Na entrevista, ele explica o trâmite de seu processo, defende-se da acusação do Ministério Público e comenta sobre suas ambições políticas.

Confira a íntegra da entrevista:

[insertmedia id=CyJZzQauWVE]

Previous ArticleNext Article
Repórter do Paraná Portal
[post_explorer post_id="429327" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]