Política
Compartilhar

Internado com Covid-19, secretário Renê Garcia apresenta melhoras e sai da intubação

Internado com Covid-19, o secretário da Fazenda do Paraná, Renê Garcia Junior, apresentou melhoras nos últimos dias e pô..

William Bittar - CBN Curitiba - 29 de junho de 2021, 08:30

O secretário da Fazenda Renê de Oliveira Garcia Junior, detalha em entrevista coletiva a situação das contas do Estado, do novo SIAF, Sistema de Gestão Financeira do Governo e as medidas que vem adotando. -
Curitiba, 10-01-19.
Foto: Arnaldo Alves / ANPr.
O secretário da Fazenda Renê de Oliveira Garcia Junior, detalha em entrevista coletiva a situação das contas do Estado, do novo SIAF, Sistema de Gestão Financeira do Governo e as medidas que vem adotando. - Curitiba, 10-01-19. Foto: Arnaldo Alves / ANPr.

Internado com Covid-19, o secretário da Fazenda do Paraná, Renê Garcia Junior, apresentou melhoras nos últimos dias e pôde ser retirado da intubação, mas segue na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital do Trabalhador, em Curitiba. A informação foi confirmada pela assessoria da pasta.

O secretário apresentou os primeiros sintomas e foi diagnosticado com a doença no dia 09 de junho, mas precisou ser internado e intubado no dia 21 de junho, após piora no quadro clínico. Conforme a assessoria da Secretaria da Fazenda, Renê Garcia Junior apresenta melhoras diárias, mas segue na UTI para monitoramento.

NÚMEROS DA COVID-19 EM NO PARANÁ E EM CURITIBA

Nesta segunda-feira (28), O Paraná confirmou seis mortes e 4.950 casos novos de covid-19. Do total de casos incluídos no boletim de hoje, 2.601 são referentes ao mês de junho e 1.964 a maio.

Conforme a secretaria estadual, o Paraná agora acumula 1.267.322 casos confirmados e 30.280 mortes por complicações da doença.

Curitiba, registrou mais 23 mortes e 791 casos novos de covid-19. As vítimas mais recentes eram 14 homens e nove mulheres, com idades entre 35 e 90 anos. Onze pessoas tinham menos de 60 anos.

Com os dados atualizados, a capital agora acumula 238.915 diagnósticos positivos e 6.112 mortes por complicações da covid-19.