Operação Lava Jato
Compartilhar

Autoridades conseguem repatriação de US$ 1,6 milhões na Lava Jato

Repórter Lenise Klenk da BandNews CuritibaAutoridades brasileiras conseguiram repatriar US$ 1,6 milhão de contas de empr..

Andreza Rossini - 24 de janeiro de 2017, 16:01

Repórter Lenise Klenk da BandNews Curitiba

Autoridades brasileiras conseguiram repatriar US$ 1,6 milhão de contas de empresas offshore da Suíça que estavam em nome do operador financeiro João Procópio Junqueira de Almeida Prado, executivo que atuava como laranja do doleiro Alberto Youssef.

ANÚNCIO

Procópio foi preso em julho de 2014 na 5.ª fase da Operação Lava Jato e se tornou réu de processos decorrentes da investigação. O operador firmou acordo de delação premiada em maio de 2015, pouco mais de dois meses depois de ser solto. O pedido de cooperação jurídica internacional para repatriação dos recursos em nome de Procópio foi apresentado pela Procuradoria da República no Paraná em novembro de 2015.