Política
Compartilhar

Sem parentesco com Sergio Moro, candidatos destacam sobrenome em comum

O sobrenome Moro, conhecido dos brasileiros pelo juiz federal Sergio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava ..

Géssica Brandino - Folhapress - 18 de setembro de 2018, 12:51

Foto: Rodolfo Buhrer / Paraná Portal
Foto: Rodolfo Buhrer / Paraná Portal

O sobrenome Moro, conhecido dos brasileiros pelo juiz federal Sergio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato em Curitiba, se tornou um ativo em período eleitoral para outros Moros que disputam uma vaga no Legislativo.

Jussara Moro (PP) pleiteia uma vaga na Câmara dos Deputados, enquanto Paulo Sérgio Moro (PHS) tenta se eleger deputado estadual em São Paulo. Ambos prometem defender o legado da família Moro.

Esteticista, Jussara atua numa clínica na zona norte de São Paulo e já fez participações em programas de TV mostrando procedimentos para amenizar estrias e falando de técnicas para rejuvenescimento facial. De volta às telas dessa vez como candidata, ela promete tornar o feminicídio um crime inafiançável e honrar a "família Moro".

Paulo Sergio Moro é formado em direito e faz trabalhos sociais. Sem tempo de TV, o candidato é apresentado num vídeo do partido na internet. Ele fala do enfrentamento à corrupção, diz que "a família Moro" está mudando o país e convida o eleitor a fazer parte desse processo.

O candidato diz que é primo distante de Moro e que conhece o juiz pessoalmente, a quem chama pelo primeiro nome. "Precisamos mudar o que está aí, e o Sergio foi a bandeira de tudo isso", diz.

Jussara, por sua vez, não quis responder ao questionamento sobre o grau de parentesco com o juiz. "A família Moro é muito grande", se limitou a dizer. Sergio Moro, porém, nega o parentesco com Paulo, Jussara e outros três candidatos que também levam o mesmo sobrenome que ele.

Questionado pela reportagem se recebeu pedido de apoio de algum candidato, o juiz disse que não se manifesta sobre questões eleitorais.  Outros Moros são filiados a siglas pequenas e ligados a pautas conservadoras.

Pelo Democracia Cristã, o sargento Leandro Moro tenta se eleger deputado federal por Goiás, em defesa de Deus e da família. Num vídeo postado na internet ele conta que é pastor há 17 anos. Já o Bombeiro Moro, candidato do PSL a deputado estadual em São Paulo, usa seus vídeos para pedir votos para o candidato ao Senado da sigla, Major Olímpio.