Senador propõe que conteúdos sobre combate à corrupção sejam incluídos na Educação

Fernando Garcel


O senador paranaense Flávio Arns (Rede) apresentou um projeto de lei que propõe a inclusão de conteúdos sobre ética, cidadania e combate à corrupção nos currículos dos ensinos fundamental e médio nesta quinta-feira (13).

De acordo com o senador, a proposta faz parte das medidas de prevenção à corrupção difundidas pela Transparência Internacional com base na Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção.

“O projeto foi inspirado nas 70 medidas contra a corrupção e tem como foco a conscientização das nossas crianças e adolescentes para que sejam valorizados o comportamento ético e atitudes de responsabilidade cívica e de não tolerância à corrupção. Elevar o nível de consciência da nossa juventude em relação a esses aspectos é fundamental”, aponta o senador.

“Fazer com que as próximas gerações se mostrem conscientes dos impactos negativos da corrupção e tenham conhecimento sobre os variados instrumentos para combatê-la é parte de um esforço que deve começar agora para transformar o Brasil”, diz o documento elaborado pela Transparência Internacional em conjunto com as Escolas de Direito da Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro e São Paulo.

Se aprovada, a proposta faz com que os currículos passarão a fazer parte da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e da Base Nacional Comum Curricular.

Previous ArticleNext Article