Temer diz que presidente eleito não conseguirá sair da trilha traçada por ele

Folhapress


Em um discurso improvisado na entrega de um prêmio em São Paulo, o presidente Michel Temer disse que o presidente eleito em outubro “não vai conseguir sair da trilha” de reformas traçada por seu governo.

“Estamos asfaltando o terreno para o próximo governo. Eu tenho a mais absoluta convicção de que seja quem venha a ser eleito, ele não vai conseguir sair da trilha que nós traçamos”, disse Temer, após receber o prêmio “Pá de Ouro”, da Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção).

Segundo o presidente, “por mais que se faça propaganda eleitoral de que vai terminar com tudo isso que foi feito no governo, não vai conseguir”. “A consciência popular já tomou ciência de que é indispensável continuar com as reformas”, disse.

Temer ainda afirmou que a reforma da Previdência saiu da pauta legislativa “mas não da pauta política”. “Ou se faz a reforma da previdência logo mais adiante ou então o Brasil não suporta.”
O presidente decidiu improvisar o discurso após uma fala elogiosa de um dos premiados no evento, o presidente da Carajas Home Center, Álbaro Mendonça Alves.

Alves elogiou a reforma trabalhista e disse que Temer só não conseguiu uma reforma melhor e não conseguiu avançar com a da previdência porque foi “vítima de trairagem”.
Temer depois agradeceu a “delicadeza extraordinária” do empresário.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="554659" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]