Dois municípios do Paraná têm novas eleições neste domingo

Andreza Rossini


Eleitores de Guaraqueçaba, no litoral do Paraná, e Moreira Sales, no noroeste do Estado, voltam às urnas para escolher novos prefeitos neste domingo (4).

As duas cidades tiveram as eleições de outubro de 2016 anuladas pela Justiça Eleitoral, devido a irregularidades nas candidaturas dos eleitos.

A Justiça Eleitoral cassou os registros das candidaturas dos candidatos eleitos nestes municípios nas eleições de 2 de outubro de 2016.

Guaraqueçaba

O candidato Riad Said Zahoui venceu as eleições para prefeito com 3.280 votos, atingindo 52,80% dos votos válidos, no dia 2 de outubro. A Corte Eleitoral indeferiu o registro de candidatura de Riad no dia 4 do mesmo mês.

Ele foi apontado pela Câmara de Vereadores como o responsável por irregularidades nas contas do município em 2011, quando teve o mandato cassado acusado de abuso de poder e captação de recursos ilícitos.

O então prefeito entrou com recurso, que foi recusado pela Justiça.

No próximo domingo, Adriad Junior concorre contra a ex-prefeita Lilian Ramos Narloch que ficou em segundo lugar na eleição passada.

Moreira Sales

Hugo Berti (PSD) foi o prefeito eleito em 2016 com 4.042 votos e teve a candidatura impugnada após ser condenado na Justiça por enriquecimento ilício e improbidade administrativa. Quem ocupa o cargo provisoriamente é o presidente da Câmara, Tiago Albano (PDB).

Concorrem nas eleições de domingo a esposa do prefeito impugnado Magali Berti (PDT) e o candidato derrotado na primeira eleição Rafael Bolacha (PMDB).

Eleitores

Os eleitores podem votar das 8 horas às 17 horas nos mesmos locais onde foram realizadas em outubro do ano passado.
O comparecimento de eleitor e o atendimento às convocações para mesários é obrigatória. O eleitor que deixar de comparecer às urnas deverá justificar a ausência em qualquer cartório eleitoral até 3 de agosto de 2017.

Outros municípios

Moradores de Primeiro de Maio, Foz do Iguaçu, Novas Laranjeiras, Piraí do Sul e Quatiguá realizaram novas eleições neste ano, devido a problemas nas candidaturas no pleito de outubro de 2016.

Previous ArticleNext Article