Zé Trovão alega perseguição de Alexandre de Moraes e pede asilo político no México

Fabio Zanini, Folhapress


Articulador das manifestações de 7 de Setembro e dos bloqueios em estradas nos dias subsequentes, o caminhoneiro Marcos Gomes, mais conhecido como Zé Trovão, protocolou um pedido de asilo político ao governo mexicano.

Os documentos foram enviados à reportagem pelo seu advogado, Levi de Andrade.

No documento de solicitação ao governo mexicano, Zé Trovão diz ser vítima de perseguição política.

Ele tem pedido a destituição dos ministros do STF e tem atacado Alexandre de Moraes, que autorizou operação de busca e apreensão nos endereços ligados ao caminhoneiro e, posteriormente, determinou sua prisão preventiva.

As datas no documento mostram que ele foi protocolado no começo do mês, antes ainda dos atos de 7 de Setembro.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="789775" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]