Alvaro Dias afirma que a decisão de Maranhão é mera provocação e que a Câmara não tem poder para anular ato dentro da Constituição

Redação


O senador Alvaro Dias (PV) disse que esse ato do presidente em exercício da Câmara Federal, Waldir Maranhão (PP-MA), não passa de provocação e de risco de instabilidade política. “É matéria vencida, uma vez que o processo de impeachment está no Senado e passou por todos os ritos da Câmara, onde foi aprovado com voto de 366 deputados”. Alvaro Dias garantiu que a Câmara não tem capacidade para anular atos praticados dentro das normas da Constituição e por decisão democrática, atendendo aos apelos da população. “Isto logo acaba”, finalizou o senador paranaense.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="487065" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]