Após assédio, mulheres são espancadas em balada de Curitiba

Andreza Rossini


Duas jovens sofreram agressões na casa noturna Shed, no bairro Batel, em Curitiba, na madrugada desta sexta-feira (29). De acordo com os relatos nas redes sociais de uma das vítimas, elas foram assediadas por um grupo de homens e, ao negar interesse, avisaram aos seguranças que a situação poderia gerar confusão. “(…) homens porcos e nojentos dizendo que éramos bem características curitibanas, que não conversávamos com eles (por favor meu amigo! Você é bonitinho e um babaca, da licença que eu não sou obrigada! ) chamei o segurança e disse que ia dar confusão, o segurança acreditou na história do imbecil e não deu bola”, diz. 

Shed divulga imagens e vai processar meninas envolvidas em briga

Ainda nas redes sociais, ela afirma que outra mulher que estava com o grupo de homens “tomou as dores” e começou a confusão com agressões. Ela relata ter apanhado um pouco e, em seguida, ser segurada por algumas pessoas enquanto a amiga apanhou até não conseguir se levantar.  “(…)a confusão começou, apanhei um pouco e os seguranças ficaram olhando até minha amiga ficar no chão de tanto apanhar, eu sendo segurada por alguns(…)”.

13874949_1177200398968859_1849322584_nElas foram encaminhadas ao hospital Cajuru para realizar exame de corpo de delito e demais exames necessários.

Por meio de nota, a casa noturna afirmou que repudia qualquer tipo de violência e que fez o possível para evitar a confusão. Veja na íntegra:

A Shed Western Bar Curitiba vem por meio dessa nota oficial se posicionar perante o fato ocorrido na madrugada desta sexta-feira (29).

A briga aconteceu entre clientes mulheres e a equipe da casa noturna ainda não sabe exatamente o motivo da confusão. Salientamos que tomamos todas as medidas cabíveis para amenizar a situação no momento do ocorrido e estamos apurando as informações com todas as partes envolvidas.

A equipe da casa noturna repudia qualquer tipo de violência, verbal ou física, e não concorda com comportamentos abusivos. Sentimos muito pelo acontecimento. Estamos à disposição da cliente e dos demais envolvidos para esclarecimentos, assim como da justiça para contribuir com as investigações.

Nas redes sociais da casa noturna, o público se manifestou sobre o caso. Veja:

Capturar

A Polícia Militar informou que informações sobre o caso são direto com a Polícia Civil, que por sua vez afirmou não ter recebido Boletim de Ocorrência sobre o caso até o momento.

Outros casos

No dia 12 de junho, policiais militares de folga mostraram que estavam armados em frente ao palco da casa notura o que gerou confusão no local. Ambos estavam cadastrados como policiais, mas não poderiam exibir a arma, nem consumir bebidas alcoólicas. O casal de policiais foi retirado da casa noturna.

Policial Militar de folga mostra arma em casa noturna de Curitiba

Em 20 de abril de 2015, um policial militar armado atirou em um jovem na Shed. Imagens das câmeras de segurança mostram o policial disparando contra o abdômen do rapaz – na porta do estabelecimento, após uma discussão, por volta das 4h30.

Policial que atirou em jovem na Shed está em liberdade

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="375747" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]