Como reduzir a crise econômica aumentando salários, a receita de Temer

Redação


A esperança dos brasileiros, que tiraram, à fórceps, a presidente Dilma Rousseff do Palácio do Planalto, está indo água abaixo com as decisões do presidente interino, Michel Temer. Em plena crise econômica, com um déficit orçamentário de R$ 170,5 bilhões, máquina pública inchada, despesas em alta, receitas em baixa e alto índice de desemprego, com 11,5 milhões de pessoas fora do mercado de trabalho, o presidente interino Michel Temer orienta os parlamentares a aprovarem aumento para si próprios. Sim, o mesmo Temer, que se propôs a combater a crise econômica, agora dará aumento de salários para servidores de várias carreiras públicas federais, com impacto de mais de R$ 55 bilhões até 2019. Como diz o grande filósofo Zé Simão, Temer será indicado ao Prêmio Nobel de Economia, ou seja, como fazer economia aumentando salários.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="487129" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]