Curitiba registra um assalto a cada 15 minutos

Redação


NEY LEPREVOST E SRA.

Um assalto a cada 15 minutos em Curitiba. Os dados, assustadores, são da Secretaria de Segurança Pública que mostram, ainda, que entre janeiro e março de 2016 foram registradas 8.569 ocorrências – um aumento de 14% em relação a 2015. Os números englobam todos os tipos de roubo – residencial, ao comércio e de veículos.

Em números absolutos, o Centro é o bairro curitibano que mais registra roubos, seguido por Cidade Industrial e Sítio Cercado. O aumento na região central entre 2015 e 2016 foi maior que a média da cidade inteira: 24%. Esse dados foram apresentados ao deputado estadual, Ney Leprevost (PSD), que cobrou providências em relação à violência em Curitiba.

No primeiro trimestre de 2016, a Sesp verificou aumento de 9% nos casos de furto (quando não há emprego de violência) e 11% nos roubos a residência. Os dados reais, porém, podem ser maiores. É que, historicamente, crimes contra o patrimônio são subnotificados pela falta de fé na polícia. A população deixa de registrar, principalmente, furtos e pequenos roubos.

Para o deputado Ney Leprevost “esses números precisam ser revistos e mais policiais precisam ser contratados e a Guarda Municipal, desde que esteja bem equipada e qualificada através de treinamento eficiente, pode e deve ajudar a polícia. A situação é extremamente preocupante. Segurança Pública tem que ser prioridade ao lado da saúde e da educação. Precisamos dar mais atenção para os altos índices de violência na capital do Estado do Paraná. A criminalidade não pode continuar subindo dessa forma assustadora na cidade de Curitiba”, disse Ney.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="487271" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]