Dona de casa noturna é presa por planejar a morte do marido

Fernando Garcel


A Polícia Civil prendeu uma mulher, e outros quatro suspeitos, de arquitetar a morte de um homem em Cambé, no Norte do Paraná, em 2005. O mandado de prisão preventiva foi cumprido depois que a polícia do município comunicou os oficiais da capital que todos os suspeitos estavam em Curitiba. Ela é proprietária de uma balada na região do Atuba.

“Eles ficam à disposição da Vara Criminal de Cambé para responder por esse homicídio. Provavelmente vão ser julgados no tribunal do júri nos próximos meses ou semanas”, destacou o delegado.

Na época, o crime aconteceu por motivação passional. A mulher e a vítima eram companheiros e sócios de uma empresa de recapagem de pneus em Curitiba. Ela teria se desentendido com ele e arquitetado um plano para matar o homem. O irmão, o cunhado, o amante e outro homem teriam executado o crime.

“Pelas informações que constam nos autos, a mulher teria um amante e através do amante e dos familiares ela engendrou o plano contratando outras pessoas, que foram identificadas e presas, para executar o homicídio de seu companheiro”, explicou o investigador.

Todos os envolvidos no crime estão presos preventivamente e respondem pelo crime de homicídio qualificado.

Previous ArticleNext Article