Sem categoria
Compartilhar

Ex-prefeito de Foz perde foro privilegiado

Com Metro Jornal CuritibaRéu na Operação Pecúlio, que investiga desvios em várias obras de Foz do Iguaçu, o ex-prefeito ..

Julie Gelenski - 17 de janeiro de 2017, 09:25

Com Metro Jornal Curitiba

Réu na Operação Pecúlio, que investiga desvios em várias obras de Foz do Iguaçu, o ex-prefeito do município Reni Pereira (PSB) tem agora  o fim do mandato e perdeu o foro privilegiado, portanto  será julgado pela Justiça Federal, como os demais denunciados.

O processo do ex-prefeito passará a ser julgado pelo juiz da 3ª Vara Criminal Federal. O despacho judicial foi publicado na sexta-feira (13).

Enquanto Reni ainda estava no mandato de prefeito, o caso corria no TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), porque ele tinha foro privilegiado.

Com o fim do mandato, a juíza relatora do caso no TRF4, Cláudia Cristofani, determinou que o processo vá à 3ª Vara Federal de Foz.

Pereira chegou a passar mais de 3 meses preso, mas foi solto pelo STJ e responde em liberdade